rss

A Política Externa do Presidente Donald J. Trump Coloca a América em Primeiro Lugar

हिन्दी हिन्दी, English English, العربية العربية, Français Français, Русский Русский, Español Español, اردو اردو

Casa Branca
Escritório da Secretária de Imprensa
Para Anúncio Imediato
30 de janeiro de 2018

 
 

 

“Conforme reconstruímos a força e a confiança dos Estados Unidos em casa, nós também estamos restabelecendo a nossa força e marcando nossa presença no exterior.” – Presidente Donald J. Trump

TRAÇANDO UMA NOVA ROTA: A política externa do Presidente Donald J. Trump coloca os interesses e a segurança do povo americano em primeiro lugar.

  • O presidente Trump lançou recentemente a sua Estratégia de Segurança Nacional de 2018, que prevê a visão estratégica necessária para proteger o povo americano, preservando o nosso estilo de vida, promovendo nossa prosperidade, mantendo a paz por meio da força e avançando a influência americana no mundo.
  • O Governo reconhece que a segurança econômica é a segurança nacional.
    •    O Presidente Trump está implementando políticas que iniciam a criação de empregos e fortalecem a base econômica do nosso país.
  • Os Estados Unidos estão novamente na liderança, provando que a “América em primeiro lugar” não significa uma América sozinha, revitalizando relações com países que compartilham os nossos objetivos e interesses ao mesmo tempo em que combatem o radicalismo e o extremismo.
  • O presidente Trump busca a “paz por meio da força” ao modernizar e reconstruir as Forças Armadas americanas.  Nas palavras do primeiro presidente da nossa Nação, George Washington: “Estar preparado para a guerra é um dos meios mais eficazes de preservar a paz.”
    • A Estratégia de Segurança Nacional do Presidente modernizará as nossas forças nucleares e implantará defesas de última geração contra mísseis balísticos.

COMBATENDO O TERRORISMO: Sob a liderança do presidente Trump, os Estados Unidos estão derrotando os terroristas, que ameaçam a nossa pátria e os nossos cidadãos.

  • Ao trabalhar com forças locais e dar mais flexibilidade aos nossos chefes militares em campo, nós praticamente derrotamos o ISIS.
    • Desde a posse do presidente Trump, o ISIS perdeu quase 100% do território que controlava no Iraque e na Síria.
    • Juntamente com os nossos parceiros, nós continuaremos a perseguir os milhares de combatentes do ISIS, que estão fugindo, e não descansaremos até que tenhamos alcançado uma derrota definitiva do ISIS e dizimado os jihadistas mundiais e suas redes.
  • O presidente Trump perseguirá incansavelmente as ameaças à segurança dos Estados Unidos, priorizando esforços para confrontar e derrotar o terror islâmico radical e a ideologia que o sustenta.
    • A Estratégia do Sul da Ásia do Presidente Trump, que tem como base as condições consideradas, dá aos chefes militares a autoridade e os recursos necessários para negar aos terroristas refúgio seguro que buscam tanto no Afeganistão como no Paquistão.
  • O presidente continua a reafirmar a liderança americana entre os nossos aliados e parceiros do Oriente Médio.
    • Isso inclui trazer à luta os aliados e parceiros dos Estados Unidos no Oriente Médio, capacitando vozes credíveis para combater a propaganda terrorista e promovendo a nossa sociedade aberta como uma ótima alternativa à repressão e ao extremismo
  • O presidente Trump deixa claro para os nossos aliados que eles não podem ser amigos da América e ao mesmo tempo apoiar ou fazer apologia ao terror.
    • O presidente suspendeu a assistência em segurança oferecida ao Paquistão, enviando uma mensagem, há tempos aguardada, aos beneficiários da ajuda, que esperamos que eles se juntem plenamente a nós no combate ao terrorismo.

PROTEGENDO A NAÇÃO: O presidente Trump está protegendo as nossas fronteiras e eliminando a violência da nossa vizinhança.

  • O Governo instituiu um controle extremo e aprimorou a fiscalização para dificultar a entrada no nosso país de terroristas, criminosos transnacionais e outros atores perigosos.
    • As rotas para os Estados Unidos estão agora mais seguras, independentemente de as pessoas virem para cá como turistas, visitantes a negócios, imigrantes ou refugiados.
  • O presidente continuará a trabalhar com parceiros internacionais para garantir a segurança dos nossos cidadãos:
    • Todos os países estrangeiros agora devem compartilhar informações importantes com os Estados Unidos sobre seus cidadãos, para que saibamos quem está entrando no nosso país ou para que sofram as devidas consequências.  Para melhorar a nossa segurança, o Governo aumentou os parâmetros da cooperação em matéria de segurança, e a maioria dos países têm cumprido com essas determinações.
    • Depois de o presidente ter destacado as ameaças alarmantes contra escolas judias no ano passado, o Governo de Trump trabalhou com as contrapartes israelenses, a fim de descobrir quais eram essas ameaças e dar um fim a elas.
    • Além da prisão de quase 800 membros da gangue MS-13, o Governo de Trump tem trabalhado com parceiros da América Central para prender e incriminar 4.000 membros da MS-13.

ACALMANDO OS ALIADOS E DETENDO OS INIMIGOS: O presidente está restabelecendo alianças importantes e trabalhando com aliados e parceiros para confrontar os nossos inimigos.

  • O presidente Trump está redefinindo as relações com os Estados Unidos na região do Indo-Pacífico, protegendo os negócios e o comércio que beneficiam trabalhadores americanos e a nossa economia.
  • O presidente Trump continuará a unir o mundo em um esforço para fazer o máximo de pressão possível para convencer a Coreia do Norte a se desnuclearizar.
  • O presidente Trump está restabelecendo a liderança americana no Oriente Médio, reconstruindo as relações com Israel e tomando fortes medidas para confrontar os agressores na região.
    • Em dezembro, o presidente reconheceu oficialmente Jerusalém como a capital de Israel e anunciou a realocação da embaixada americana no país, para aquela cidade.
    • O Governo de Trump está confrontando o comportamento desestabilizador do Irã e a ameaça do seu programa nuclear, envidando esforços para consertar os sérios problemas no acordo nuclear com o Irã, e sancionando inúmeros funcionários e entidades iranianos.
  • O presidente está revitalizando a aliança da OTAN ao encorajar, com muito sucesso, os nossos parceiros a cumprirem seus compromissos de gastos com defesa e a compartilharem o fardo da defesa coletiva.
  • O presidente Trump está fazendo pressão para a reforma das Nações Unidas e considerará reter fundos para aquelas entidades da ONU que perpetuam sua dependência a milhões de dólares.

Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.