rss

Extradição para o Panamá do ex-presidente Martinelli

Facebooktwittergoogle_plusmail
Español Español, English English

Departamento de Estado dos Estados Unidos
Escritório da Porta-Voz
Para Divulgação Imediata
Declaração da Porta-Voz, Heather Nauert
11 de junho de 2018

 
 

Em 11 de junho de 2018, nos termos do tratado de extradição entre os Estados Unidos da América e a República do Panamá, os Estados Unidos extraditaram o ex-presidente do Panamá Ricardo Martinelli para enfrentar acusações criminais no Panamá.

O Sr. Martinelli foi preso em Miami em 12 de junho de 2017 com base em um pedido de extradição do governo panamenho. O seu caso seguiu o procedimento normal de extradição regido pelo tratado bilateral e pela lei dos Estados Unidos e foi tratado de acordo com os procedimentos legais aplicáveis durante todo o processo.

Este caso foi certificado pelo Departamento de Estado, que toma a decisão final de entregar um indivíduo ao governo solicitante. Cabe aos tribunais panamenhos determinar a culpa ou a inocência de Martinelli em relação às acusações pelas quais foi extraditado.


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.