rss

Estados Unidos revogam a entrada de indivíduos alinhados a Maduro e seus familiares em seu território

English English, Español Español, Русский Русский

Departamento de Estado dos Estados Unidos
Gabinete da Porta-voz
Para divulgação imediata
Declaração do Porta-Voz Adjunto, Robert Palladino
1º de março de 2019

 

Como o Representante Especial para a Venezuela, Elliott Abrams, anunciou hoje, os Estados Unidos impuseram restrições de visto de entrada contra indivíduos responsáveis por minar a democracia na Venezuela. Estamos aplicando essa política contra vários funcionários alinhados a Maduro, e contra familiares dos mesmos. Em 28 de fevereiro, revogamos os vistos de 49 pessoas.

Os apoiadores de Maduro que cometem abusos e violações contra os direitos humanos, roubam o povo venezuelano, ou minam a democracia da Venezuela, não são bem-vindos nos Estados Unidos. O mesmo em relação aos seus familiares, que desfrutam de um estilo de vida privilegiado às expensas da liberdade e da prosperidade de milhões de venezuelanos.

Os Estados Unidos continuarão impondo medidas apropriadas contra Maduro e contra os protagonistas corruptos, violadores e abusadores dos direitos humanos, que concedem a ele o seu apoio.

Os Estados Unidos exortam todas as nações a aumentarem a pressão econômica sobre Maduro e os protagonistas que o cercam, bem como a restringirem os vistos de entrada para o seu círculo mais íntimo. Este é o momento de ação em apoio à democracia, e em resposta às necessidades desesperadoras do povo venezuelano.


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.