rss

Declaração conjunta sobre desdobramentos no Sudão

English English, العربية العربية, Français Français, Español Español

Departamento de Estado dos Estados Unidos
Gabinete da Porta-Voz
Para divulgação imediata
Nota à Imprensa
4 de junho de 2019

O texto da seguinte declaração foi emitido conjuntamente pelos governos dos Estados Unidos, da Noruega e do Reino Unido.

A Troika condena os violentos ataques de 3 de junho no Sudão que causaram a morte e feriram vários manifestantes civis pacíficos. Ao ordenar estes ataques, o Conselho Militar da Transição (CMT) do Sudão colocou em risco o processo de transição e a paz no Sudão. Exigimos um acordo para a transferência de poder para um governo civil, como exigido pelo povo do Sudão. Saudamos a declaração do presidente da União Africana (UA) e apoiamos o importante papel da UA na resolução da crise no Sudão, inclusive a sua exigência por uma imediata transferência de poder para um governo civil.

A Troika também manifesta a sua séria preocupação com o anúncio do CMT de que encerrará as negociações com as Forças para a Liberdade e Mudança, anulará todos os acordos anteriores com eles sobre a formação de um governo de transição e realizará eleições dentro de nove meses. O povo do Sudão merece uma transição ordenada, liderada por civis, que pode estabelecer as condições para eleições livres e justas, em vez de ter eleições impostas apressadamente pelas forças de segurança da CMT.


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.