rss

USAID e Banco Interamericano de Desenvolvimento lançam Desafio de Inovação de US$ 13,5 milhões para Venezuelanos na América Latina e no Caribe

Français Français, English English, Español Español

Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional
Gabinete de Relações com a Imprensa
Para divulgação imediata
21 de outubro de 2019

 

Hoje, a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) lançaram o Desafio JuntosÉMelhor, JuntosEsMejor. Com esta nova parceria, a USAID e o BID fornecerão US$ 13,5 milhões para reunir, financiar e promover soluções inovadoras que apoiam os venezuelanos dentro de seu país, os venezuelanos na América Latina e no Caribe e as comunidades que os receberam.

Como plataforma de colaboração e parcerias adicionais, o Desafio JuntosÉMelhor unirá conhecimento e recursos, buscará informações locais, sediará eventos de cocriação e criará um mercado de soluções testadas e prontas para ajudar os venezuelanos e as comunidades que os hospedam. As solicitações de financiamento abordarão quatro áreas de foco: pessoas, produtividade, serviços e finanças.

O JuntosÉMelhor pode conceder doações, empréstimos e investimentos em ações. Além do apoio financeiro, os premiados serão elegíveis para outros benefícios, incluindo assistência técnica, acesso a redes de contatos e publicidade. Os níveis de financiamento são os seguintes:

Nível 1, Ideias: Até US$ 25.000 para desenvolver e testar uma ideia inicial.

Nível 2, Protótipo: Até US$ 250.000 para testar e avaliar um protótipo existente no contexto da crise regional.

Nível 3, Validação: Até US$ 500.000 para testar a disponibilidade mais ampla do mercado para soluções cujos testes tiveram sucesso.

Nível 4, Escalada: Até US$ 1.500.000 para soluções com viabilidade comercial demonstrada ou viabilidade de parcerias do setor público no contexto da crise regional, o que é necessário para alavancar financiamento externo adicional.

Atualmente, as soluções podem ser implementadas nos seguintes países: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Panamá, Peru, Trinidad e Tobago e Venezuela.

O JuntosÉMelhor aumentará o apoio contínuo do governo dos EUA aos venezuelanos na Venezuela, bem como aos venezuelanos que fugiram e às comunidades generosas que os receberam na América Latina e no Caribe.

Desde o ano fiscal de 2017, os Estados Unidos forneceram mais de US$ 631 milhões, incluindo quase US$ 473 milhões em assistência humanitária e mais de US$ 159 milhões em assistência aos setores de desenvolvimento, economia e saúde.

O Desafio também complementa o apoio amplo do BID aos países que recebem migrantes na região. O Banco lançou um mecanismo especial de doação que ajudará os países a integrar os migrantes nas comunidades locais e contribuir para o desenvolvimento. O BID fornecerá US$ 100 milhões à instalação, com recursos adicionais que a comunidade doadora deverá fornecer. Esses fundos de subsídio serão combinados com as operações regulares de empréstimo do BID de US$ 800 milhões.

Para se inscrever ou contribuir como parceiro do Desafio BetterTogether, visite www.JuntosEsMejorVE.org.


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.