rss

Decisão da ICC em relação ao Afeganistão

हिन्दी हिन्दी, English English, Español Español, Français Français, العربية العربية, Русский Русский, اردو اردو

Departamento de Estado dos Estados Unidos
Gabinete da Porta-voz
Para divulgação imediata
Declaração do Secretário de Estado, Michael R. Pompeo
5 de março de 2020

 

Hoje, a Câmara de Recursos do Tribunal Penal Internacional (TPI) autorizou uma investigação das supostas atividades do Talibã, e dos Estados Unidos e pessoal afegão, conexas ao Afeganistão   Trata-se de uma medida de fato espantosa, tomada por uma instituição política irresponsável, disfarçada como entidade legal.

Essa decisão torna-se ainda mais negligente ao ser lançada poucos dias depois de os Estados Unidos terem firmado um tratado de paz histórico com o Afeganistão – a melhor oportunidade para a paz no período de uma geração.  De facto, o próprio governo afegão apelou para que o TPI não tomasse tal curso de ação.  Os políticos do TPI, porém, têm outros objetivos.

Os Estados Unidos não participam do TPI, e nós adotaremos todas as medidas necessárias para proteger nossos cidadãos contra essa renegada, assim denominado tribunal.

Esse é um outro alerta sobre o que ocorre quando organismos multilaterais não são fiscalizados e não possuem líderes responsáveis, e, em vez disso, se transformam em instrumento de vinganças políticas.   Hoje, o TPI tropeçou, e assim apresentou a triste confirmação de todas as denúncias apresentadas pelos seus mais ferrenhos críticos nas últimas três décadas.


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.