rss

Departamento de Estado dos EUA Oferece Recompensa por Informações que Levem Narcotraficantes Venezuelanos à Justiça

English English, Español Español

Departamento de Estado dos E.U.A
Comunicado à Imprensa
Michael R. Pompeo, Secretário de Estado
26 de março de 2020

 

O Departamento de Estado dos EUA anunciou hoje uma série de recompensas por informações que levem à prisão e/ou à condenação cidadãos venezuelanos cujas acusações foram abertas ao público hoje pelo Departamento de Justiça por seus papéis no tráfico internacional de narcóticos: Nicolás Maduro Moros, Diosdado Cabello Rondón, Hugo Carvajal Barrios, Clíver Alcalá Cordones e Tareck Zaidan El Aissami Maddah.

O povo venezuelano merece um governo transparente, responsável e representativo que atenda às necessidades do povo – e que não trai a confiança das pessoas, desculpando ou empregando funcionários públicos envolvidos no tráfico ilícito de entorpecentes. Os Estados Unidos estão empenhados em ajudar o povo venezuelano a restaurar a democracia de seu país através de eleições presidenciais livres e justas que lhes proporcionarão liderança nacional honesta e competente.

O Departamento de Estado está oferecendo uma recompensa de até US$ 15 milhões por informações relacionadas a Nicolás Maduro Moros. O Departamento também oferece recompensas de até US$ 10 milhões, cada, por informações relacionadas a: Diosdado Cabello Rondón, presidente da Assembleia Nacional Constituinte ilegítima; o general (aposentado) Hugo Carvajal Barrios, ex-diretor de inteligência militar da Venezuela (DGCIM); Clíver Alcalá Cordones, major-general (aposentado) do Exército da Venezuela; e Tareck Zaidan El Aissami Maddah, ministro da Indústria e Produção Nacional. Enquanto mantinham posições-chave no regime de Maduro, esses indivíduos violaram a confiança do povo ao facilitar o transporte de narcóticos da Venezuela, o que incluiu o controle de aviões que partem da base aérea venezuelana e o controle de rotas de drogas pelos portos da Venezuela.

Essas recompensas são oferecidas pelo Programa de Recompensas de Narcóticos (NRP, na sigla em inglês) do Departamento de Estado. Mais de 75 grandes traficantes de narcóticos foram levados à justiça pelo NRP desde o início do programa, em 1986. O Departamento pagou mais de US$ 130 milhões em recompensas por informações que levem a essas apreensões.

O Bureau de Assuntos Internacionais de Entorpecentes e Polícia gerencia o NRP em estreita coordenação com a Agência Antidrogas (DEA), o FBI (polícia federal), a Agência de Imigração e Alfândega/Investigações de Segurança Interna (ICE/HSI) e outras agências do governo dos EUA. Essas ações demonstram o compromisso do Departamento de Estado em apoiar os esforços de aplicação da lei e toda uma abordagem governamental para combater o tráfico de drogas e o crime organizado transnacional.

Para mais informações sobre os indivíduos listados acima e o NRP, por favor, visite https://www.state.gov/inl-rewards-program/narcotics-rewards-program/ ou entre em contato com [email protected].


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.