rss

O programa espacial do Irã é perigoso e não-pacífico

English English, العربية العربية, Français Français, Русский Русский, Español Español, اردو اردو

Declaração para a Imprensa
Secretário de Estado, Michael R. Pompeo
25 de abril de 2020

 

O Irã tem alegado, já por muitos anos, que seu programa espacial é totalmente pacífico e não-militar. O governo Trump jamais acreditou em tal fábula. O lançamento de um satélite militar, durante esta semana, pela Guarda Revolucionária Iraniana, designada como uma Organização Terrorista Estrangeira (FTO), deixa claro aquilo que vínhamos afirmando desde o início:  O programa espacial do Irã não é pacífico, nem inteiramente civil

Em fevereiro de 2020, Morteza Berari, chefe da agência espacial nacional do Irã, declarou que o Irã defende o “uso pacífico do espaço sideral”. Ele ainda afirmou que “todas as nossas atividades no domínio do espaço sideral são transparentes”. O Ministro de Informações do Irã alegou durante esta semana que “o programa espacial do Irã é pacífico”. O mais recente lançamento militar, que foi concebido e realizado em segredo, prova que tais declarações são falsas.

O meio utilizado para lançamento desse satélite e de outros lançados anteriormente incluem tecnologias idênticas e permutáveis com as dos mísseis balísticos, inclusive sistemas de lançamento de longo alcance como os de mísseis balísticos intercontinentais (ICBMs). Nenhum país jamais buscou a capacidade ICBM, a não ser com o objetivo de possibilitar o lançamento de armas nucleares.

O desenvolvimento de tecnologias que possibilitam o lançamento de mísseis balísticos pelo Irã deve ser rejeitado por todas as nações amantes da paz, que devem se unir para impedir os perigosos programas de mísseis do Irã. Como um prelúdio, as nações deverão  apoiar a extensão do embargo da ONU, relativo à venda de armas convencionais ao Irã, que expira no próximo mês de outubro. Não podemos permitir que um Estado líder, no mundo, em relação ao patrocínio do terrorismo e do antissemitismo, possa comprar e vender armas convencionais. Clamamos também à União Europeia para que imponha sanções contra os indivíduos e as entidades que estão trabalhando nos programas de mísseis do Irã.

Enquanto o povo iraniano sofre e morre devido à pandemia do coronavírus, é lamentável ver que o regime desperdiça seus recursos e esforços em objetivos militares que não representam nenhum auxílio ao povo iraniano.


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.