rss

Os EUA mantêm a liderança em assistência humanitária em resposta ao COVID-19

Español Español, English English, Français Français, العربية العربية, Русский Русский, हिन्दी हिन्दी, اردو اردو

Departamento de Estado dos Estados Unidos
Comunicado à Imprensa
Secretário de Estado, Michael R. Pompeo
19 de junho de 2020

 

Os Estados Unidos têm sido e permanecem o líder indiscutível em assistência externa global, e nossa liderança em resposta à pandemia do COVID-19 mantém esse histórico de generosidade. Hoje, estamos fornecendo um adicional de aproximadamente US$ 93 milhões em assistência humanitária para reforçar nossos continuados esforços de resposta, ajudando os mais vulneráveis do mundo a superar a devastação infligida por este vírus mortal. Esse novo financiamento ajudará pessoas em todo o mundo, incluindo em toda a Ásia, África e América Latina.

Dos US$ 93 milhões anunciados hoje, mais de US$ 75 milhões disponibilizados pela Assistência Internacional a Desastres (International Disaster Assistance, IDA) apoiarão programas de emergência de saúde, água, saneamento e higiene, logística e proteção, bem como assistência alimentar para enfrentar os impactos secundários da pandemia. Além disso, cerca de US$ 18 milhões disponibilizados pela Assistência à Migração e aos Refugiados (Migration and Refugee Assistance, MRA) reforçarão a capacidade de nossos parceiros internacionais e de organizações não-governamentais para fornecer água, saneamento e suprimentos de higiene, apoio à subsistência, serviços psicossociais, segurança alimentar e acesso a serviços de saúde e informações para refugiados, migrantes vulneráveis e comunidades de acolhimento, além de proteger a saúde dos agentes humanitários que atendem essas populações.

Essa nova assistência faz parte de mais de US$ 12 bilhões alocados por agências e departamentos em todo o governo dos EUA para beneficiar a resposta global, incluindo o desenvolvimento de vacinas e terapêuticas, esforços de preparação e assistência humanitária. O anúncio de hoje aumenta o financiamento de resposta ao COVID-19 do Departamento de Estado e da USAID para mais de US$ 1,3 bilhão em assistência médica, humanitária e econômica até o momento. Grande parte desse financiamento já foi disponibilizado, apoiando programas que estão salvando vidas e reduzindo os impactos secundários da pandemia em todo o mundo. A generosidade do povo americano permanece inigualado, e o impacto positivo dos fundos dos contribuintes americanos no meio da pandemia é profundo.


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.