rss

O presidente Donald J. Trump obteve um acordo histórico entre Israel e os Emirados Árabes Unidos para promover a paz e a prosperidade na região

English English, Español Español, Français Français, Русский Русский, हिन्दी हिन्दी, العربية العربية, اردو اردو

A Casa Branca
Gabinete da Secretária de Imprensa
Para divulgação imediata
13 de agosto de 2020

 

“Nossa visão é de paz, segurança e prosperidade — nesta região e no mundo.  Nosso objetivo é uma coalizão de nações que compartilham o objetivo de acabar com o extremismo e proporcionar aos nossos filhos um futuro promissor que honre a Deus.” – Presidente Donald J. Trump

GARANTINDO UM ACORDO HISTÓRICO: O presidente Donald J. Trump obteve o primeiro acordo para normalizar as relações entre Israel e um grande país árabe em décadas.

•           O presidente Donald J. Trump intermediou um acordo para normalizar as relações entre os Emirados Árabes Unidos e Israel – o primeiro acordo desse tipo entre Israel e um importante país árabe desde 1994.

•           Os países se comprometeram com o estabelecimento recíproco de embaixadas e embaixadores, e o início da cooperação em vários setores, incluindo educação, saúde, comércio e segurança.

•           Este avanço histórico é o passo mais significativo em direção à paz no Oriente Médio em mais de 25 anos. 

o          Os Emirados Árabes Unidos são o primeiro grande estado árabe a reconhecer Israel desde que o Tratado de Paz entre o Estado de Israel e o Reino da Jordânia foi assinado em 26 de outubro de 1994.

TRANSFORMANDO A PAZ POR MEIO DA LIDERANÇA AUDACIOSA: O presidente Trump reconheceu que era hora de uma nova abordagem para alcançar a paz, segurança e oportunidade para o povo do Oriente Médio.

•           Este avanço histórico foi possível graças à liderança e experiência do presidente Trump como negociador.

•           O presidente construiu confiança com nossos aliados na região e reorientou os cálculos estratégicos, identificando interesses e oportunidades comuns, afastando-os da perpetuação de antigos conflitos.

•           Este acordo fornece uma base para novos avanços em direção à paz regional no futuro. 

o          Os Estados Unidos acredita que mais países árabes e muçulmanos seguirão o exemplo dos Emirados Árabes Unidos e normalizarão as relações com Israel.

CONSTRUINDO UMA REGIÃO MAIS PACÍFICA E PRÓSPERA: Este acordo ajudará a colocar a região em um caminho verdadeiramente transformador: com estabilidade, segurança e oportunidade.

•           Este acordo é um grande avanço para os muçulmanos em todo o mundo que desejam vir em paz para orar na Mesquita de Al Aqsa, já que agora poderão realizar isso voando para Tel Aviv por meio de Abu Dhabi e serão bem-vindos.

o          Incentivando mais visitas ajudará a combater os extremistas que usam a falsa narrativa de que a Mesquita de Al Aqsa está sob ataque e que os muçulmanos não podem rezar neste local sagrado.

•           A ampliação dos laços comerciais e financeiros entre essas duas economias prósperas também acelerará o crescimento e as oportunidades econômicas em todo o Oriente Médio.

•           Este acordo permitirá um maior avanço da visão do presidente para encontrar uma paz abrangente, justa, realista e duradoura entre Israel e os palestinos e na região.


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.