rss

Os Estados Unidos impõem sanções contra outros indivíduos envolvidos nas tentativas do regime ilegítimo de Maduro de corromper as eleições democráticas na Venezuela

Français Français, English English, Español Español

Departamento de Estado dos Estados Unidos
Gabinete da Porta-voz
Para divulgação imediata
Declaração do Secretário de Estado, Michael R. Pompeo
22 de setembro de 2020

 

Hoje, os Estados Unidos estão impondo sanções contra José Bernabé Gutiérrez Parra, Miguel Antonio José Ponente Parra, Guillermo Antonio Luces Osorio, Chaim José Bucaran Paraguan e Williams José Benavides Rondón por serem cúmplices no apoio aos esforços de Maduro, que visam usurpar do povo venezuelano seu direito de escolher seus líderes por meio de eleições livres e justas.  Essa medida é tomada de acordo com a Ordem Executiva 13692, conforme emendada.  Esta medida mais recente do Departamento do Tesouro acompanha as sanções anunciadas no dia 4 de setembro contra outros membros chave do regime ilegítimo de Maduro.

Gutiérrez, Ponente, Luces, Bucaran e Benavides são as marionetes dos principais partidos de oposição, na sátira eleitoral planejada para o dia 6 de dezembro.

Muitos dos políticos mais conhecidos da Venezuela não estão autorizados a concorrerem nas eleições, os partidos políticos de oposição foram aparelhados, os equipamento eleitorais existentes não foram testados e não são confiáveis, milhões de eleitores venezuelanos não foram registrados, os prisioneiros políticos definham nas prisões venezuelanas, e um Conselho Eleitoral manipulado, escolhido a dedo pelo regime ilegítimo, está supervisionando tudo isso.  Além disso, no dia 16 de setembro, uma missão independente para levantamento de fatos, da ONU, estabelecida pelo Conselho de Direitos Humanos, documentou abusos terríveis contra os direitos humanos sob o regime ilegítimo.

Com essa medida mais recente do Departamento do Tesouro, os Estados Unidos reafirmam seu compromisso de promover a responsabilização de todos aqueles que visam minar a democracia e usurpar o futuro democrático da Venezuela. Ao fazerem isso, eles contribuem com esforços grotescos de um ditador ilegítimo e desesperado, para tomar e manter o poder de fato.  Permanecemos do lado do Presidente Interino Guaidó e dos defensores da democracia na Venezuela no seu avanço para restaurar uma Venezuela democrática.


Esta tradução é fornecida como cortesia e apenas o texto original em inglês deve ser considerado oficial.
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.