rss
Últimas notícias
2019-09-24

Pronunciamentos do Presidente Trump Na 74ª. Sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas

Muito obrigado sr. presidente, sr. secretário-geral, distintos membros das delegações, embaixadores e líderes mundiais:


2019-09-23

Pronunciamento do Presidente Trump no Evento Sobre Liberdade Religiosa nas Nações Unidas

Isso é muito bom. Muito obrigado. Isso é muito bom. E quero agradecer ao Mike. Hoje, é uma verdadeira honra ser o primeiro presidente dos Estados Unidos a sediar uma reunião nas Nações Unidas sobre liberdade religiosa. E que honra. Deveria ter acontecido há muito tempo. E fiquei chocado ao receber essa estatística de que seria a primeira. Isso é muito triste, em vários aspectos. E é ótimo estar com vocês.


Embaixador dos Estados Unidos para Liberdade Religiosa Internacional, Samuel Brownback, sobre o principal evento do presidente Trump sobre liberdade religiosa

MODERADOR: Todos, felizmente teremos a companhia do nosso embaixador para liberdade religiosa internacional, Sam Brownback. Este briefing é fornecido oficialmente. Temos cerca de 25 minutos, eu acho, para isso. Acreditamos que teremos a participação de sobreviventes de perseguição religiosa que estiveram no evento realizado mais cedo hoje, portanto, estamos deixando os assentos da frente livres para eles, no entanto,


O Vice-Secretário de Estado, John J. Sullivan chefia a delegação dos EUA na Reunião Ministerial do Tratado do Rio

O Vice-Secretário de Estado, John J. Sullivan chefiou a delegação dos EUA em uma reunião ministerial do Tratado do Rio em 23 de setembro, em Nova York, NY, convocada pelos Estados signatários. Esta reunião discutiu os próximos passos regionais para lidar com o agravamento da crise na Venezuela; a última vez que a OEA convocou esta reunião foi para discutir medidas coletivas após os atentados de 11 de setembro de 2001.

Disponível em:

Pronunciamento Secretário de Estado, Mike Pompeo No evento da ONU sobre Liberdade Religiosa

SECRETÁRIO POMPEO: Obrigado a todos. Quero agradecer os vários líderes mundiais por estarem aqui hoje. Obrigado, vice-presidente Pence, por seu trabalho nesta questão fundamental. E quero agradecer especialmente ao presidente Trump, por ser um defensor de pessoas de fé em todo o mundo. A Bíblia diz: “Tudo o que é verdadeiro, tudo o que é nobre, tudo o que é correto, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é admirável — se é excelente ou louvável — pense nessas coisas.” É isso o que estamos fazendo aqui hoje.


2019-09-17

Estados Unidos tomam medidas contra a ampla rede de corrupção na Venezuela

Em 17 de setembro, os Estados Unidos designaram três indivíduos e 16 entidades ligadas a Alex Saab, aliado de Nicolás Maduro, e seu sócio Álvaro Pulido. Esta medida aumenta a pressão sobre Saab e Pulido, que foram designados em 25 de julho de 2019 por roubar do programa de subsídio de alimentos da Venezuela.


2019-09-16

Diálogo Estratégico entre EUA e Brasil

Em 13 de setembro, o Secretário de Estado, Michael R. Pompeo, lançou o Diálogo de Parceria Estratégica EUA-Brasil com o ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo. O Diálogo de Parceria Estratégica Brasil-EUA é um resultado direto da reunião de 19 de março entre o presidente Trump e o presidente Bolsonaro em Washington, D.C., e serve como uma plataforma para o avanço de ações conjuntas nas prioridades compartilhadas entre os EUA e o Brasil.

Disponível em:

2019-09-15

Dia Internacional da Democracia

Neste Dia Internacional da Democracia, rememoramos o compromisso inabalável da nossa nação com os direitos inalienáveis de onde se originou a base da nossa democracia. Nos Estados Unidos, esses direitos são definidos por meio do respeito pela liberdade individual e pela dignidade humana. Uma sociedade civil vibrante, diversificada e independente é a pedra fundamental que garante essas liberdades.


2019-09-04

Estados Unidos Anunciam Assistência Humanitária Adicional em Resposta à Crise Regional venezuelana

Estados Unidos Anunciam Assistência Humanitária Adicional em Resposta à Crise Regional venezuelana


2019-08-30

Os Estados Unidos denunciam os pedidos para retomar o conflito armado na Colômbia

Os Estados Unidos apoiam resolutamente o governo da Colômbia, o presidente Duque e o povo colombiano em seus esforços para assegurar a paz justa e duradoura e a segurança que a Colômbia merece. Repudiamos com firmeza os pedidos recentes de alguns indivíduos para abandonar os compromissos das FARC no âmbito do acordo de paz de 2016 e promover o terrorismo e a violência. Também condenamos a persistência das atividades terroristas do ELN e aqueles que a possibilitam e lhe dão refúgio seguro.

Disponível em:

  • Limpar tudo
Atualizações de E-mail
Para se inscrever para atualizações ou acessar suas preferências de assinante, digite abaixo suas informações de contato.